Moinhos de Amor

CRISTINA, 13 Fevereiro, 2020

Moinhos de Ovil. Decidi chamá-los moinhos de amor. De paz. Porque é o que se sente quando se lá está. É um sonho para quem lá vai. Dormir num antigo moinho em cima da água tem que se lhe diga. Uma experiência única. Em plena harmonia com a natureza. A Eduarda, dona dos moinhos, gosta de receber. De surpreender. Nada está ao acaso. Desde que se entra até que se sai. O moinho está cheio de detalhes. Há bilhetes com sugestões e frases que nos fazem sorrir, por todo o lado. A decoração é preparada para nos transmitir tranquilidade. Nunca é a mesma. A Eduarda gosta de mudar para proporcionar experiências diferentes a quem lá vai mais do que uma vez. Quem vai, quer voltar. Para se encontrar de novo com a sua essência. Para ser feliz no meio da natureza. A sós. Em casal. Com amigos. Ou família. A experiência é incrível. Terapêutica. Para descansar e fugir ao stress do dia a dia. Um refúgio feliz.

 

 

  • Comentários

    Artigos relacionados