Uma cara

CRISTINA Mag, 7 Fevereiro, 2018

Sim, o cancro tem uma cara. Todos a reconhecemos. Sabemos quando a doença está lá. Evitamos. Falamos. Queremos distância. Dos nossos. Dos próximos. De quem gostamos. E ainda fazemos cara de espanto. Foi no primeiro dia do ano, à noite, pronta para regressar ao trabalho depois das festas, que abri os meus e-mails. Tinha uma mensagem da Rebeca, cantora com quem já conversei tantas vezes em programas de televisão. Comecei a ler e levei um murro. Como levamos sempre, quando sabemos disto sobre alguém que conhecemos. Pedi-lhe autorização para partilhar esse e-mail.
Pode lê-lo na revista CRISTINA já nas bancas.

  • Comentários

    Artigos relacionados