O APANHA da Cinha

TV, 18 Setembro, 2017

Desde o primeiro minuto que manifestei o meu contentamento com o “Apanha Se Puderes”. As emoções que ali ja vivi, com o meu Teixeirinha, são impagáveis.

Já rimos, chorámos, ficámos tristes e radiantes de felicidade pelos concorrentes. Quando a TVI decidiu fazer os programas especiais com famosos disse, logo, que só faria sentido se o jogo fosse a sério. E assim foi. Já houve quem perdesse à primeira, quem desistisse para doar algum valor à instituição, que é o objectivo de todos. Para que nenhuma instituição ficasse a perder, decidimos que quando uma dupla não ganha nada, a dupla seguinte continua com a mesma instituição.
Este domingo foi dia de especial. Começou com o Leandro e a Adriana Lua e, de seguida, a Cinha e a Pimpinha. Que não desistiram. Foram, com medo, mas foram continuando. Até ao fim. E ganharam 50 mil euros para a Associação Apoio de Mãe. Nunca tinha acontecido num programa especial. Para além da felicidade de ajudar, confesso que fiquei emocionada por ser a Cinha. Porque se criam imagens das pessoas, com julgamentos prévios, sem se saber mais do que aquilo que se vê num programa de televisão. Parabéns Cinha e Pimpinha. E obrigada a todos os que estiveram connosco.

  • Comentários

    Artigos relacionados