Rede 

fashion, 11 Julho, 2017

As escolhas arrojadas de roupa podem ser sinónimo de alguma excentricidade, mas são também de personalidade. Sempre que vejo alguém completamente fora da norma fico curiosa por saber quem é, o que faz, se herdou o estilo do pai ou da mãe, enfim… o porquê. A roupa pode, de facto, definir-nos perante o olhar do outro. Não deve é ser motivo de julgamento. Lembro-me perfeitamente de andar na Escola Secundária em Loures e ver muitos punks. Na altura, era estranho ver gente vestida de forma tão alternativa, de cabelos pintados e cristas gigantes no ar, mas eu adorava. Prendiam-me a atenção e gostava de ver as reacções das pessoas à sua passagem. Tudo tem, sempre, uma explicação. E o melhor da vida é a liberdade de sermos diferentes. A roupa é apenas um pormenor. Às vezes maior.

///

Sometimes, bold clothing choices can be synonymous of some eccentricity, but they can also represent your personality. Everytime I see someone completely out of the standards, I get curious about who she is, what she does, if she inherited the style of her father or mother. Anyway… to understand the cause. In fact, clothes can define us in the eyes of others. But it should not be a reason to be judgemental. I perfectly remember being in High School, in Loures, and see lots of punks, for example. At that time, it was strange to see people dressed in such an alternative way, with dyed hairs and giant pointy crests, but I loved that. They caught my attention and I used to observe people’s reactions whenever they walked by. Everything has an explanation. And the best of life is the freedom to be different. Clothing is just a detail. But sometimes it can be bigger than that.

Look
Saia e top | Elisabetta Franchi na Casiraghi Forever
Sapatos | Louboutin
Daily Team
Fotografia | Isabel Saldanha
Styling by me
LUVIN – content & digital PR

 

  • Comentários

    Artigos relacionados